sexta-feira, 23 de outubro de 2015

[Writing] Grupo CPR - A Reanimação da Escrita e o meu primeiro texto

Aceitei o desafio da Catarina Sousa (Joan of July) e da Joana Magalhães para participar no grupo de escrita CPR - Reanimação da Escrita, podem saber mais sobre o grupo e ler os textos de todos os participantes em CPR - A Reanimação da Escrita e acompanhar-nos no Facebook.
Todas as semnas somos desafiados a escrever sobre um tema e os textos dos vários participantes vão sendo publicados ao longo dessa semana. Já vamos na segunda semana e no segundo tema e posso dizer-vos que os desafios estão a crescer, a exigir que nos superemos a cada texto.
Estou a adorar estes desafios, pois adoro escrever, adoro poder melhorar a minha capacidade de escrita, a minha criatividade.
O primeiro desafio foi sob o tema: 
E partilho convosco o meu primeiro texto:
Esperas, da Vida

Sem saudosismos,
Os segundos, os minutos, as horas, os dias, as semanas, os meses, os anos, as décadas, a vida passa e somente esperar que passe não é viver!
Há que lutar, procurar, escarafunchar, arregaçar as mangas, não desistir, levantarmo-nos quando caímos, secar as lágrimas quando choramos, sorrir, rir, sonhar.
Há sentir, há sentires que doem, mas há amor, há realização, há amizade, há solidariedade, há projectos para tornar o viver no verdadeiro viver, na plenitude desse viver.

Esperar? Que caia no colo? Que te tragam numa bandeja? Que lutem por ti? Que dêem a cara por ti? Não vai acontecer… Tens de ser tu e só tu a lutar, a sonhar, a realizar, a conquistar e a ser feliz.
Parece cruel mas a vida à semelhança da selva onde a lei do mais forte ainda se aplica, não o mais forte de força, mas o mais preparado, o mais estruturado, o mais resiliente sobrevive. E sim resiliência é a palavra, é o modo com o qual temos de encarar as dificuldades, as pedras no sapato.
Mune-te de um bom coração e de um bom espírito, cuida da tua saúde, alimenta-te bem, rodeia-te de boas pessoas, faz o bem, ajuda o próximo, cria raízes mas não cortes as asas, define os teus objectivos de vida, não te esqueças dos teus princípios, luta, procura, sonha mais alto, voa se te amarrarem, não te deixes levar pelas aparências, procura a felicidade em ti não noutros e acredita, vais ver que devagarinho o que sonhaste e pelo qual lutaste virá e a realização chegará! E aí sim estarás a viver!

Eu acredito que a vida nos devolve o que nós damos à vida, acredito na justiça não dos tribunais, não na divina, mas na justiça do equilíbrio de forças do universo. Se dou recebo, se tenho força recebo mais força, se sorri0 recebo sorrisos, se ajudo sou ajudada, se acredito no próximo alguém acredita em mim.

Portanto, faz-te à vida, que a vida não se faz a ti só porque sim!!

Beijinhos
Cláudia 

1 comentário

Instagram

TODAS AS IMAGENS E CONTEÚDOS DESTE BLOG SÃO PROPRIEDADE DE CLÁUDIA GONÇALVES GANHÃO.
NÃO É PERMITIDO COPIAR OU UTILIZAR QUAISQUER CONTEÚDOS DESTE BLOG
PARA QUALQUER FINALIDADE SEM AUTORIZAÇÃO DA MESMA.
© Sunny November. Design by Fearne.