domingo, 17 de setembro de 2017

Um beijo na Mão

O regresso à escola ou o início da vida escolar nem sempre é pacífico e muitas vezes deixamos os nossos filhos na escola lavados em lágrimas e nós saímos de lá da mesma forma.
Este ano a Lau foi para o 1.º ano, não chorou mas percebi que estava tristinha, assim como o Lou que dizia que não queria voltar à escola.
Uma amiga partilhou comigo a seguinte história, que partilhei com os meus L’s e eles adoraram, todos os dias de manhã nos despedimos com um beijo na mão e eles ficam mais tranquilos. Aqui fica a dica para vos ajudar nas despedidas.

“Era uma vez um guaxinim chamado Chester, que vivia na floresta com a sua família.
Chegou o mês de Setembro e a escola estava quase a começar. Mas o Chester não queria ir para a escola! Ele gostava tanto, tanto da sua mãe, que não queria separar-se dela… por isso andava triste e assustado, com a ideia de que o dia de ir para a escola estava mesmo quase a chegar.
A mãe explicou-lhe que a escola era muito bonita e a professora muito amiga, mas não adiantou nada, o Chester continuava triste e preocupado!
Até que chegou o grande dia e a mãe, ao vê-lo triste, contou-lhe um segredo muito antigo, chamado “um beijo na mão”. Abriu-lhe a mãozinha e beijou-a carinhosamente. O Chester sentiu o calorzinho do amor da mãe, que subiu da mão para o braço e do braço para o coração e ficou logo a sentir-se melhor.

“Quando estiveres triste ou assustado, encosta a mão à tua cara e verás que logo ficas bem!” disse-lhe a mãe.
E assim foi, o Chester foi para a escola contente e tudo lhe correu bem,  pois sabia que podia separar-se da sua mãe, mas o amor dela estava sempre no seu coração.”

Enviar um comentário

Instagram

TODAS AS IMAGENS E CONTEÚDOS DESTE BLOG SÃO PROPRIEDADE DE CLÁUDIA GONÇALVES GANHÃO.
NÃO É PERMITIDO COPIAR OU UTILIZAR QUAISQUER CONTEÚDOS DESTE BLOG
PARA QUALQUER FINALIDADE SEM AUTORIZAÇÃO DA MESMA.
© Sunny November. Design by Fearne.